Coaching

Livro: As 10 bobagens mais comuns que as pessoas inteligentes cometem

Em 2012 foi reeditado em português um livro publicado em 2006 e reeditado em 2009, intitulado "As 10 Bobagens mais comuns que as pessoas inteligentes cometem e técnicas eficazes para evitá-las", do Dr. Arthur Freeman e Rose DeWolf (Editora Guarda-Chuva, Rio de Janeiro).

A edição é pequena e acaba logo, e não tem ainda versão digital, porisso recomendo ler mesmo em papel. E o livro tem preciosidades que justifica recomendá-los aos coaches e especialistas ou interessados em neurolinguística, que são comuns leitores deste site.

O Dr. Freeman é um reconhecido especialista em terapia cognitiva (TC), discípulo do Dr. Aron T. Beck, criador da TC. Seus livros técnicos desta área são muito conhecidos e apreciados.

Neste livro, voltado para o público geral, eles identificam os dez principais pensamentos disfuncionais que interferem no trabalho e na vida pessoal e como podemos lidar com eles.

Em um texto leve e de fácil entendimento, Dr. Freeman e Rose DeWolf detalham e exemplificam com muita propriedade os estilos de pensamento habituais que acarretam problemas na capacidade de resolver problemas e na interação interpessoal, tais como a tendência das pessoas ao "pensamento catastrófico", costumeira origem do estresse e dos "brancos; a "presunção de telepatia", seja de si mesmo e de terceiros"; a tendência ao perfeccionismo e a mania de levar as críticas muito a sério, tanto de si mesmo quando dos outros; a mania de comparação e os pensamentos silogísticos que criam distorções cognitivas (o "e se…?", o "sim…mas" e o "deve ser assim…").

Este assunto é de grande interesse aos estudiosos tanto da TC quanto da TCC (Terapia cognitiva-comportamental) e também dos estudiosos de Coaching e da PNL. São ferramentas psicológicas extremamente baseadas no bom-senso e de uso não exclusivamente técnico, e capazes de alavancar a tomada de decisão e a capacidade de ação da maioria das pessoas.

Links:
http://www.livrariacultura.com.br/scripts/resenha/resenha.asp?nitem=3197527&sid=01291306412615510322569918&k5=291F535A&uid=

http://www.psicoterapiaecoaching.com.br/artigos_6.html

http://books.google.com.br/books?id=q3wbAQAAMAAJ&q=the+10+dumbest+mistakes&dq=the+10+dumbest+mistakes&hl=pt-BR&sa=X&ei=E4LkULvLA4by9gSRqYHADA&ved=0CDcQ6AEwAA

Anúncios

Um comentário sobre “Livro: As 10 bobagens mais comuns que as pessoas inteligentes cometem

  1. Sou bipolar e estou em tratamento há 2 anos. Meu psiquiatra recomendou-me o livro e posso dizer que foi e continua sendo fonte de grande ajuda. Tão importante quanto não desistir de um tratamento que está dando certo “sim… mas”, é também de grande importância para os indivíduos que sofrem de algum transtorno obterem informações e a ajuda de outros profissionais; como terapeutas, por exemplo. Indico aos portadores de algum transtorno, os analistas que seguem a linha da TCC (Terapia Cognitiva Comportamental). O tratamento com psicólogos que seguem a TCC é rápido, vai direto ao ponto. Você não fica anos dissecando seu passado, lamentando o que já era, lamuriando o que não volta. Tive péssimas experiências com analistas de outras linhas desde os 12 anos de idade, agora, aos 37, finalmente me sinto estável e feliz. Demorou, mas descobri os mecanismos que faziam com que eu me sabotasse. A medicação também é importante, preciso dizer. Como escreveu o Azevedo, a edição é pequena e acaba logo. Acho que isso reflete o objetivo da TCC: um tratamento rápido e eficaz.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s