Visualização

Livros de Visualização Criativa

A Visualização Criativa é uma técnica que está difusa em várias áreas e correntes, sejam terapêuticas, sejam de auto-ajuda. A PNL tem muito de visualização em suas técnicas, principalmente quando trabalha com mudança de submodalidades. Para os praticantes de Visualização, a mudança de submodalidades é perfeitamente adequado para ser encaixado em suas práticas. Mas a Visualização Criativa é uma corrente que tem vários livros publicados – uns mais “psicológicos”, sobre aprendizado, interação e melhoria mente-corpo, e outros mais “holísticos”, sobre influência metafísica, energética e sucesso pessoal. Quer dizer, tem para todos os gostos.

Como a Visualização é uma técnica que é utilizada a séculos, para mim ela é anterior à PNL. Até a Gestalt, que é anterior à PNL, utiliza técnicas que são inspiradas na visualização… E a terapia Cognitiva-Comportamental, mesmo que não o afirme, usa hoje também muitas técnicas similares. Nunca fiz uma pesquisa sobre isso, mas tenho a opinião que quem começou a descrever as bases científicas da Visualização foram os estudantes de magia mental, no fim do século dezenove, que buscaram conciliar as técnicas de imaginação dirigida ensinadas nas antigas escolas esotéricas com o conhecimento científico da Revolução Industrial.

Outros consideram a Visualização como um tipo de auto-hipnose. Contudo, o pessoal mais especializado em Hipnose enfatiza que a Hipnose é básicamente hiperconcentração. E a Visualização (ou Imagery, para ficar mais sofisticado) é uma espécie de “homeopatia mental” onde usamos imagens para estimular respostas nos vários sistemas humanos – seja imunológico, se for para apoio em tratamentos de doenças, tais como o Dr. Simonton faz com pacientes com câncer, seja no sistema muscular, se for para treinamento de esportistas ou até no sistema emocional-cognitivo, tal como no treinamento de dessensibilização de fobias, como a Terapia Cognitivo-Comportamental (TCC) utiliza.

Mas para mim o substrato de todas estas técnicas é similar. Todas utilizam o poder da amígdala, uma regiãozinha miraculosa no cérebro humano, que redireciona as emoções e afeta o corpo, a partir do que é pensado pelo ser humano. E este processo é similar, seja na hipnose, na meditação e na imaginação dirigida. Reputo que é até o mesmo processo que usamos na PNL…

O que varia uma ou outra aplicação é o grau, a intensidade do processo de concentração e emoção utilizada e, também, alguns “temperos” adicionais que utilizam, tais como dramatizações, metáforas, sequências específicas para indução dos estados.

A visualização é um reprocessamento mental. E como toda percepção e pensamento afeta o corpo, a mente, o aprendizado e o comportamento, a visualização serve para que, pelo “efeito dominó”, possamos fazer muito a partir de uma pequena mudança mental…

Não advogo para ficarmos apenas pachorrentamente visualizando, como uma maneira preguiçosa de resolver os problemas. Ao contrário, enfatizo que a ação positiva, junto com o pensamento concentrado na solução – algo que a visualização pode ajudar – é a melhor maneira de agir na vida.

A visualização fornece um feedback de cenas positivas, o que afeta a memória de longo prazo, modificando a reação às cenas do passado. Na verdade, a visualização é uma técnica principalmente de aprendizagem, ou reaprendizagem, no caso.

A quantidade de livros publicados no exterior é enorme – no Brasil há muitos também. Eu já li vários e vou comentar os que eu li. Considero que estudar visualização pode ser útil para os praticantes de PNL e para aumentar a criatividade, seja no espaço terapêutico, seja em interações profissionais de aprendizado, liderança e negócios, bem como na vida pessoal.

Alguns podem rejeitar a Visualização porque a consideram pseudocientífica, algo “mágica”. Eu por mim a considero “metamágica”, isto é, meta é um radical grego que significa “além”, como também “referente a si mesmo” e até é um radical latino que significa “objetivo”. Logo, para mim Visualização é uma técnica que busca refletir o conceito íntimo do que significa “mágica”, independente de crenças filosóficas, em uma reflexão sobre os mais profundos objetivos pessoais..

Vamos à literatura:

– Visualização – Um Guia Introdutório – Helen Graham – Editora Nova Era
Um livro fácil, simples e pequenininho, para começar. Apresenta a visualização principalmente para objetivos de autoterapia e melhoria de personalidade. É bem similar, em suas aplicações e forma de descrever as técnicas, ao trabalho de uso de metáforas na PNL e na auto-hipnose. Tem exercicios para trabalhar com dor, com cura física e melhoria mental. No finalzinho, ensina algo mais transpessoal, um exercício para a conexão do Eu. Acho um bom livrinho para começar.

– Visualização – O Sucesso através dos Olhos da Mente – Ana Maria Rossi – Editora Rosa dos Tempos
Esta é uma psicóloga e hipnoterapeuta de Porto Alegre que tem uma Clínica de Biofeedback. Apesar do nome, não tem parentesco com o Ernest L. Rossi da hipnose ericksoniana… O livro dela também é fininho e fácil de ler. Ao livro anterior ela acrescenta alguns exercícios mais bem elaborados, detalha mais como é o mecanismo da cura mente-corpo, tem auto-testes. Também vale a pena para iniciar.

– Visualizar para Mudar – Patrick Fanning – Editora Siciliano
Este livro eu gosto muito. É mais pesado, detalha vários exercícios e aplicações interessantes, é bem completa a forma como descreve a visualização. No final do livro ele colige as fontes de informação para o trabalho de visualização, descrevendo o xamanismo, as tradições gregas, egípcias, orientais, na Idade-Média, no século dezenove e vinte. Fala da popularização da visualização no movimento New Age, onde estas técnicas começaram a ser utilizadas por várias correntes terapêuticas.

– Imaginação Ativa – A Arte de Curar-se Através do Poder da Mente – Serge King – Pensamento
Um livro mais antigo e bem interessante. A primeira parte apresenta os conceitos da visualização, enfatizando que ela deve ser multissensorial – isto tem muito a ver com o VACOG da PNL, não é? E fala também das imagens mentais implícitas nas palavras que usamos para metaforizar o nosso mundo. Tudo a ver com a PNL. A segunda parte são algumas receitas de bolo: sugestões para trabalhar estados psicossomáticos e problemas em regiões específicas do corpo, tais como a cabeça, o tórax, o abdomen, as pernas. Ele conceitua como Centros: da Comunicação, da Identidade, da Segurança, do Progresso. É uma espécie de metaforização do corpo. Como isso só tem neste livro, vale a pena adquiri-lo, mesmo que você não concorde com todos os pontos de vista do autor. No final ele mostra um grande elenco de técnicas. É um livro pequeno, barato e bom.

– Com a Vida de Novo – O. Carl Simonton, Stephanie Matthews-Simonton e James Creighton – Summus Editorial
Um excelente livro escrito por um médico oncologista, sobre a abordagem de terapia de apoio da visualização em pacientes terminais de câncer. Os depoimentos são impressionantes. Livro imperdível. Só digo isto. Imperdível. Compre. E leia. Ah, saiu também “A Família e a Cura – O Método Simonton para Famílias que Enfrentam uma Doença” de Stephanie Matthews-Simonton. Também pela Summus. Só é válido se você estiver trabalhando com oncologia ou tem parentes enfrentando o problema. Não é de técnicas de visualização.

– A Imaginação na Cura – Xamanismo e medicina moderna – Jeanne Achteberg – Summus
Pelo nome “xamanismo” e pela capa você pensaria que é um livro mais esotérico, não é? Pois se enganou. É um livro super-científico sobre as pesquisas que comprovam a eficácia da imaginação como fator de cura, na medicina e na psicoterapia. Muito bom mas é só teórico. Faz uma extensa análise das aplicações da visualização em várias correntes terapêuticas.

– Visualização Criativa – Shakti Gawain – Editora Pensamento
Ah, agora cheguei no livro mais conhecido da área, o verdadeiro campeão de vendas… Shakti é uma terapeuta holística americana, da linha Osho, que escreveu este livrinho, facílimo de encontrar em qualquer lugar. É simples? É. É receita de bolo? É. É meio esotérico? É. Mas vale a pena ler, se você quer ficar por dentro da visualização. E ela escreve de um jeito bem motivante. Se você não tem nada contra as idéias de um Eu Superior, leia-o. Encare-o como uma nominalização e vá em frente. A propósito, este livro fez tanto sucesso que ela escreveu outros, dos quais eu tenho também “Vivendo na Luz – Um Guia para a Transformação Pessoal e Planetária”, com Laurel King, também da Pensamento. É um livro mais técnico, até melhor escrito, mais foge um pouco dos conceitos específicos de Visualização e não vou recomendar aqui.

– Imagens que Curam – Guia Completo para a Terapia pela Imagem – Gerald Epstein.M.D. – Editora Xenon
O psiquiatra Gerald Epstein se tornou um dos especialistas mais conceituados na análise da Visualização como técnica terapêutica. Este livro também é um campeão de vendas. Na verdade, não é um livro técnico, teórico, apesar dele ter escrito vários livros teóricos do assunto. É um livro com sugestões de visualizações, para vários problemas de saúde. É receita de bolo sim. Mas é tão completinho que pode dar boas sugestões para aplicações específicas. Ele se arrisca um pouco perante o establisment médico: há visualizações até para tratamento da Aids… Em suma, se gostou da visualização e quer trabalhar com ela como técnica terapêutica no seu dia a dia, vale a pena comprar este livro. Em português tem também um livro novo dele, mais teórico, “A Terapia do Sonho Acordado” – Editora Livro Pleno. Este é um dos livros dele teóricos, com histórias de pacientes que usaram imagens mentais e sonhos para se curar. Só é válido se você é terapeuta especializado. Tem também o livro “Curar para a Imortalidade”, pela Editorial Psy. É mais metafísico e filosófico, mas é válido. Compre só se você virou fã do Epstein (como eu, que comprei, mas só folheei).

– Visualize a sua Cura – Exercícios de visualização inspirados nos salmos – Anita Moraes – Cultrix/ Pensamento
É um similar ao Imagens que Curam – várias receitas específicas para se utilizar em questões específicas. Apesar da menção aos salmos no título, o livro não tem nada de religião católica ou protestante. São sugestões de exercícios bem interessantes. Vamos prestigiar o similar nacional e comprar este também.

– Visualização Criativa com Crianças – Jennifer Day – Editora Cultrix
É um livro de técnicas adaptadas exclusivamente para as crianças experimentarem o poder maravilhoso da visualização criativa. Recomendo se você é professor ou tem filhos entre cinco a onze anos. Veja bem, não é um livro super-fantástico, muitas das técnicas de visualização ensinadas em outros livros você pode usar com crianças e terá ainda mais facilidade. Mas este livro pode lhe dar dicas boas. Existe também o livro “Meditando com Crianças”, de outra autora, que não vou colocar nesta lista pois apesar de utilizar muita visualização, é um livro específico de aprendizado da meditação.

– Psico-Pictografia: a nova maneira de usar o miraculoso poder de sua mente – Verno Howard – Editora Bestseller
Vocês podem estar pensando: “agora o Azevedo aloprou de vez”. Mas calma, gente. Estou colocando este livro como um exemplo de como o movimento de auto-ajuda usou e abusou à exaustão dos conceitos da Visualização Criativa, transformando-a em panacéia. Verno Howard, Norman Peale e outros autores, nas décadas quarenta, cinquenta, sessenta e setenta do século vinte publicaram centenas de livros, misturando conceitos de pensamento positivo com técnicas de imaginação dirigida, algumas melhores e outras piores. Eu só separei este livro porquê o Vernon Howard, destes autores todos, foi o que fez o livro mais específico sobre Visualização – pelo menos que eu conheço. Este livro é de 1965.É um livro interessante, porque ele no final sugere que os leitores façam “reuniões de psico-pictografia”, onde treinem os Quadros Mentais de Sucesso etc. Não estou recomendando que procurem este livro, é apenas para ilustrar o uso. Coloquei ele aqui para não incluir os livros de Dianética e Psicocibernética, que usam bastante Visualização, mas tem também outros conceitos e acabam fugindo dessa listinha específica de quem quer aprender visualização.

– Imaginação Criadora – Roy Eugene Davis – Editora Seicho-No-Ie
É um livro baratinho à venda nas organizações Seicho-No-Ie, que o utilizam, apesar de não ser um livro específico da Seicho. Acho que vale a pena ler.

– A Cura pelas Imagens Mentais – Mike e Nancy Samuels – Editora Xenon
Mais um livro específicamente psicoterapêutico. Bem equilibrado entre teoria e exercícios. Só compre se você quer realmente se aprofundar mais.

– Imagine-se magro – técnica de visualização para perder peso sem dieta nem exercícios – Debbie Johnson – Editora Record
Interessante… um livro inteiro para uma aplicação específica. Boa jogada de marketing, concordo. Mas acho que vale a pena. Tem técnica e teoria. Compre apenas se pretende trabalhar com emagrecimento alternativo, como terapeuta de atitudes. Ou se estiver enorme de gordo.

– A Arte e a Prática da Visualização Criativa – Ophiel – Editora Pensamento
Coloquei este livro aqui apenas pelas cartelas coloridinhas de treinamento de visualização que ele tem. Mas não acho que valha muito a pena. É um livro de visualização esotérica. Se você (como eu) também gosta de um ritualzinho esotérico de visualização, aí sim, pode comprar…

– A Visualização Criativa pode Mudar Sua Vida – Shakti Gawain – editora Sextante, 2002
Com o subtítulo de “Usando o poder da imaginação para curar o que você quer em sua vida” é um livro-CD (com técnicas de relaxamento e visualização), encontrável em qualquer boa livraria. E agora vai sair um DVD com o mesmo título – mas bem diferente. O texto é meio autobiográfico, Shakti conta como foi desenvolvendo seu interesse e abordagem da visualização. Não achei o texto lá grande coisa, não me fisgou, mas tem gente que vai gostar, por estar em forma de relato.

Ufa, agora chega. Há outros livros, mas acho que a lista já está boa. Aproveitem e divirtam-se.

Ah, e visualizem-se como ficarão após ler todos estes livros…. aquilo que aprenderão… e como se sentirão… assim…. AGORA!

Anúncios

Um comentário sobre “Livros de Visualização Criativa

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s